Normas

Normas Regimentais e de Convivência

A escola é um espaço em que se exerce a cidadania e por isso é importante que todos e todas conheçam os seus direitos e deveres fundamentais enquanto pessoas, afim de que possamos criar entre nós um ambiente saudável e de respeito mútuo. Só assim construiremos, de fato, a verdadeira comunidade.

“Tolerar que o aluno viva sem disciplina, deixá-lo que cresça com seus defeitos e permitir-lhe que faça o que lhe apraz não é amá-lo nem respeitá-lo.” (Marcelino Champagnat)

 1. Entrada dos Alunos:

A entrada dos(as) alunos(as) é feita pelo portão lateral. O portão será fechado às 7h (primeiro turno – manhã) e às 14:15h (segundo turno – tarde). Após este horário o(a) aluno(a) só entrará acompanhado(a) por seu responsável que deverá preencher o “Livro de Atrasos” na Secretaria. Em seguida ao registro, o(a) aluno(a) será encaminhado(a) pelo(a) inspetor(a) até a sala de aula.

HORÁRIO
Primeiro Turno
Ensino Fundamental De 2ª a 6ª feira Das 07:00 às 14:00h
(6º, 7º, 8º e 9º anos)
Segundo Turno
Ensino Médio De 2ª a 6ª feira Das 14:15 às 21:15h
(1ª, 2ª e 3ª séries)


1.1. Horário das Aulas:
 A entrada /saída dos(as) alunos(as) é pelo portão da Rua Vera Cruz. A Direção solicita a não permanência dos senhores pais junto ao portão, facilitando a entrada e saída dos(as) estudantes. Os veículos de transporte escolar deverão estacionar na Rua Eduardo de Oliveira (Praça) e não mais na frente do portão de entrada/saída, possibilitando assim o embarque e desembarque dos alunos da Educação Especial.

médio

fundamental

 2. Saída dos(as) Alunos(as):

Não é permitida a saída do(a) aluno(a) antes do término do período das aulas sem a presença dos pais ou responsáveis e a autorização da Direção/Coordenação. A saída do(a) aluno(a) será registrada na Secretaria mediante apresentação de documentação do responsável.

AS AUTORIZAÇÕES DOS PAIS VIA TELEFONE, NÃO SERÃO ACEITAS. EM SITUAÇÕES EMERGENCIAIS DA ESCOLA, ENTRAREMOS EM CONTATO COM A FAMÍLIA PARA LIBERAÇÃO DO ALUNO.

 3. Durante as Aulas:

Nas trocas de aula o(a) aluno(a) deverá permanecer em sala à espera do(a) Professor(a).
Os atrasos, durante o período escolar, serão relatados pelo(a) Professor(a) que tomará as devidas providências, registrando na pasta de ocorrências da referida série. Em caso de reincidência, será encaminhado(a) à Direção/Coordenação e os pais serão notificados.
Os(as) alunos(as) não deverão sair da aula, a não ser quando autorizados pelo(a) Professor(a) e com o crachá de AUTORIZAÇÃO DE SAÍDA. Neste caso, o(a) aluno(a) deverá procurar o(a) inspetor(a) responsável pelo corredor.

IMPORTANTE: Para contato com a Secretaria os(as) alunos(as) deverão solicitar aos inspetores.

Horário de Funcionamento da Secretaria: 8h às 17h.

ATENÇÃO: Qualquer solicitação à Secretaria deverá ser feita com 48 horas de antecedência.

 4. Uniformes:

Nas escolas estaduais, o uso do uniforme não poderá ser obrigatório podendo ocorrer somente após sua aprovação pelo Conselho de Escola, que definirá também as alternativas viáveis para os alunos que não possam adquiri-lo ou não estejam usando, desde que não impeça a participação do aluno nas atividades escolares e nem o exponha à situação vexatória, conforme Lei nº 3913, de 14/11/83, em seu Artigo 1º que proíbe instituir o uso obrigatório de uniforme escolar. Desta forma, a decisão do uso do uniforme é de responsabilidade exclusiva dos Sr(as) Responsáveis.

Obs. Para a prática da Educação Física, caso o(a) aluno(a) não faça uso do uniforme escolar (conforme orientação anterior), deverá fazer uso de vestimentas ideias para praticar atividades físicas, com roupas leves, que permitam uma melhor execução dos movimentos, com tecidos frescos que permitem uma boa evaporação do suor e proteção contra raios solares.

 5. Material Escolar:

O(a) aluno(a) deve obrigatoriamente trazer sempre o material didático referente às aulas do dia, sendo responsável por seu material, devendo identificá-lo e zelar pela sua conservação, principalmente os LIVROS DIDÁTICOS que deverão ser devolvidos ao término do ano letivo e em caso de desistência ou transferência do(a) aluno(a).

O uso de materiais alheios às aulas (Celulares, MP3, MP4, Câmeras Fotográficas, Games, etc..) só será permitido com autorização do(a) professor(a). O(a) aluno(a) que não atender a esta norma será advertido(a) verbalmente pelo(a) professor(a). Em caso de reincidência, o(a) professor(a) chamará o(a) inspetor(a) para conduzir o(a) aluno(a) até a Direção/Coordenação que comunicará o fato ao responsável e solicitará a sua presença na Escola para retirada do objeto.

6. Conservação:

Tendo como base a formação de alunos(as) autônomos(as), solidários(as) e competentes, é de inteira responsabilidade do(a) aluno(a) o uso adequado e a conservação do prédio e do material que venha a utilizar (carteiras escolares, laboratórios, computadores, quadras, etc…).
Em caso de dano causado por aluno(a), este será identificado(a), advertido(a) e seus pais se responsabilizarão pelo conserto.

“A Escola é de todos nós. Zele por ela, orgulhe-se dela. Contribua para que ela seja a melhor, a mais bonita, a mais limpa.”

 7. Conduta:

O(a) aluno(a) deverá conservar-se em atitude de trabalho na sala, adaptando-se às orientações do(a) Professor(a).

Fica vetado consumir alimentos em sala de aula, tais como balas, chicletes, pirulitos, etc.
Nenhum(a) aluno(a) deve se ocupar de outra atividade, além do que é proposto pelo(a) Professor(a). Os(as) alunos(as) que apresentarem atitudes inadequadas e não cumprirem as tarefas serão conscientizados(as) pelo(a) Professor(a), que fará o registro na pasta de ocorrências da sala e comunicará o responsável, quando necessário.
Como já mencionado no item 5 (Material Escolar) é vetado aos alunos o uso de materiais alheios às aulas, sem autorização do(a) professor(a).

7.1. Condutas que afetam o ambiente escolar / faltas disciplinares:

Além das condutas descritas a seguir, também são passíveis de apuração e aplicação de medidas disciplinares as condutas que professores(as) ou a direção escolar considerem incompatíveis com a manutenção de um ambiente escolar sadio ou inapropriadas ao ensino-aprendizagem, sempre considerando, na caracterização da falta, a idade do(a) aluno(a) e a reincidência do ato.

  1. Ausentar-se das aulas ou dos prédios escolares, sem prévia justificativa ou autorização da direção ou dos(as) professores(as) da escola;
  2. Ter acesso, circular ou permanecer em locais restritos do prédio escolar;
  3. Utilizar, sem a devida autorização, computadores, aparelhos de fax, telefones ou outros equipamentos e dispositivos eletrônicos de propriedade da escola;
  4. Utilizar, em salas de aula ou demais locais de aprendizado escolar, equipamentos eletrônicos como telefones celulares, pagers, jogos portáteis, tocadores de música ou outros dispositivos de comunicação e entretenimento que perturbem o ambiente escolar ou prejudiquem o aprendizado;
  5. Ocupar-se, durante a aula, de qualquer atividade que lhe seja alheia;
  6. Comportar-se de maneira a perturbar o processo educativo, como, por exemplo, fazendo barulho excessivo em classe, na sala de leitura ou nos corredores da escola;
  7. Desrespeitar, desacatar ou afrontar diretores(as), professores(as), funcionários(as) ou colaboradores(as) da escola;
  8. Fumar cigarros, charutos ou cachimbos dentro da escola;
  9. Comparecer à escola sob efeito de substâncias nocivas à saúde e à convivência social;
  10. Expor ou distribuir materiais dentro do estabelecimento escolar que violem as normas ou políticas oficialmente definidas pela Secretaria Estadual da Educação ou pela escola;
  11. Exibir ou distribuir textos, literatura ou materiais difamatórios, racistas ou preconceituosos, incluindo a exibição dos referidos materiais na internet;
  12. Violar as políticas adotadas pela Secretaria Estadual da Educação no tocante ao uso da internet na escola, acessando-a, por exemplo, para violação de segurança ou privacidade, ou para acesso a conteúdo não permitido ou inadequado para a idade e formação dos(as) alunos(as);
  13. Danificar ou adulterar registros e documentos escolares, através de qualquer método, inclusive o uso de computadores ou outros meios eletrônicos;
  14. Incorrer nas seguintes fraudes ou práticas ilícitas nas atividades escolares:
  15.  Comprar, vender, furtar, transportar ou distribuir conteúdos totais ou parciais de provas a serem realizadas ou suas respostas corretas;
  16. Substituir ou ser substituído por outro(a) aluno(a) na realização de provas ou avaliações;
  17. Substituir seu nome ou demais dados pessoais quando realizar provas ou avaliações escolares;
  18. Plagiar, ou seja, apropriar-se do trabalho de outro e utilizá-lo como se fosse seu, sem dar o devido crédito e fazer menção ao autor, como no caso de cópia de trabalhos de outros(as) alunos(as) ou de conteúdos divulgados pela internet ou por qualquer outra fonte de conhecimento.
  19. Danificar ou destruir equipamentos, materiais ou instalações escolares; escrever, rabiscar ou produzir marcas em qualquer parede, vidraça, porta ou quadra de esportes dos edifícios escolares;
  20. Intimidar o ambiente escolar com bomba ou ameaça de bomba;
  21. Ativar injustificadamente alarmes de incêndio ou qualquer outro dispositivo de segurança da escola;
  22. Empregar gestos ou expressões verbais que impliquem insultos ou ameaças a terceiros, incluindo hostilidade ou intimidação mediante o uso de apelidos racistas ou preconceituosos;
  23. Emitir comentários ou insinuações de conotação sexual agressiva ou desrespeitosa, ou apresentar qualquer conduta de natureza sexualmente ofensiva;
  24. Estimular ou envolver-se em brigas, manifestar conduta agressiva ou promover brincadeiras que impliquem risco de ferimentos, mesmo que leves, em qualquer membro da comunidade escolar;
  25. Produzir ou colaborar para o risco de lesões em integrantes da comunidade escolar, resultantes de condutas imprudentes ou da utilização inadequada de objetos cotidianos que podem causar danos físicos, como isqueiros, fivelas de cinto, guarda-chuvas, braceletes etc.;
  26. Comportar-se, no transporte escolar, de modo a representar risco de danos ou lesões ao condutor, aos demais passageiros, ao veículo ou aos passantes, como correr pelos corredores, atirar objetos pelas janelas, balançar o veículo etc.;
  27. Provocar ou forçar contato físico inapropriado ou não desejado dentro do ambiente escolar;
  28. Ameaçar, intimidar ou agredir fisicamente qualquer membro da comunidade escolar;
  29. Participar, estimular ou organizar incidente de violência grupal ou generalizada;
  30. Apropriar-se de objetos que pertencem a outra pessoa, sem a devida autorização ou sob ameaça; ou participar de atos de vandalismo que provoquem dano intencional a equipamentos, materiais e instalações escolares ou a pertences da equipe escolar, estudantes ou terceiros;
  31. Consumir, portar, distribuir ou vender substâncias controladas, bebidas alcoólicas ou outras drogas lícitas ou ilícitas no recinto escolar;
  32. Portar, facilitar o ingresso ou utilizar qualquer tipo de arma, ainda que não seja de fogo, no recinto escolar;
  33. Apresentar qualquer conduta proibida pela legislação brasileira, sobretudo que viole a Constituição Federal, o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e o Código Penal.

 8. Medidas Disciplinares:

O(a) aluno(a) que venha a praticar atos de indisciplina ou esteja em desacordo com as normas escolares estará sujeito(a) às seguintes medidas:
Advertência verbal;
Advertência escrita;
Suspensão*;
Transferência compulsória*.
A medida dependerá da gravidade do ato e, não necessariamente, será aplicada na sequência anterior.

*Encaminhamento do aluno ao Conselho de Escola, para apreciação do caso

 9. Dispensas e Faltas, Inclusive em Dias de Provas:

O(a) aluno(a) só será dispensado(a) em horário de aula com a presença do responsável na Escola (item 2).
Quando o(a) aluno(a) não fizer alguma prova bimestral, deverá apresentar Atestado Médico ou seu responsável deverá comparecer à Escola para preencher o requerimento na Coordenação, justificando a falta do(a) aluno(a). Uma nova prova será aplicada pela Coordenação, após análise da justificativa.
Se o(a) aluno(a) perder provas mensais ou trabalhos em classe fica estipulado que isto lhe será cobrado pelo(a) Professor(a) do componente curricular pertinente, quando este(a) achar oportuno e, mediante justificativa escrita pelos pais.
Caso o(a) aluno(a) tenha que se ausentar por mais de 10 dias consecutivos, o(a) responsável deverá justificar, por escrito, na Coordenação o mais rápido possível. Atestados médicos deverão ser entregues à secretaria que, posteriormente encaminhará para a Coordenação (caso necessitem do Regime de Exceção de Estudos – ausências superiores a 15 dias – a Coordenação indicará os procedimentos necessários).
Dispensas em Educação Física, por motivo de saúde, só serão aceitas mediante atestado médico, que deverá ser encaminhado para o(a) professor(a) responsável.

 10. Avaliação Bimestral:

A avaliação é contínua, diagnóstica e sistemática e o eixo do processo de ensino-aprendizagem. Faz parte da aula do(a) professor(a) e deve ser observada em cada atividade de aprendizagem proposta pelo(a) professor(a) e realizada pelo(a) aluno(a).

A menção bimestral será atribuída com valor numérico inteiro de 0 (zero) a 10 (dez) e formada à partir da observação do(a) professor(a) levando em consideração três instrumentos:

  •  Prova Bimestral (questões de múltipla escolha elaboradas pelo(a) professor(a) envolvendo todos os componentes curriculares, a ser aplicada na conformidade do cronograma bimestral organizado pela escola);
  • Prova do(a) Professor(a) (elaborada pelo(a) professor(a) da sala com questões discursivas baseadas nos conteúdos e visando o desenvolvimento de competências e habilidades trabalhadas no bimestre);
  • Trabalhos e atividade individuais

Na avaliação do desempenho do(a) aluno(a), os aspectos qualitativos prevalecerão sobre os quantitativos, sendo que os critérios de avaliação estarão fundamentados na aquisição das habilidades desenvolvidas no respectivo bimestre e nos objetivos específicos de cada componente curricular que são baseados nos objetivos gerais de formação educacional que norteiam a escola.

 11. Promoção Final:

O resultado final se dá de acordo com o registro e observação do progresso do(a) aluno(a) durante o ano letivo e não pela soma das notas bimestrais (20 pontos).

 12. Atenção Especial:

Com o grande número de alunos(as) fica impossível a Escola se responsabilizar por dinheiro e outros pertences. Cada um(a) deverá cuidar do que é seu para evitar transtornos maiores.

Para maior segurança, os(as) alunos(as) não deverão permanecer em frente ao portão de entrada/saída para evitar formação de grupos ou aglomerações desnecessárias.

Direção, Coordenação e Docentes não resolverão problemas via telefone. Todos estarão a disposição através de prévio agendamento. Quaisquer questões mais urgentes, os responsáveis deverão procurar a Direção e Vice-Direção pessoalmente.

Direitos do(a) Aluno(a):

1. Fazer perguntas que julgar convenientes para seu melhor esclarecimento, com educação e sem atrapalhar a aula;
2. Ser ouvido(a) em suas reivindicações e sugestões por quem de direito e, se for problema da classe, que haja consenso;
3. Utilizar-se, sempre que possível, das instalações e dependências da Escola, de forma adequada e nos horários determinados;
4. Ser respeitado(a), sem quaisquer discriminações;
5. Ser orientado(a) em suas dificuldades;
6. Ser ouvido(a) em suas queixas ou reclamações;
7. Ter a devolutiva de seus trabalhos e tarefas corrigidos e avaliados (as provas bimestrais e do(a) professor(a) ficarão de posse da Escola, guardadas na pasta do(a) aluno(a) e serão mostradas ao responsável na reunião de pais e mestres. A devolução desta pasta será ao final do ano letivo).

Deveres do(a) Aluno(a):

1. Comparecer pontualmente às aulas, provas e outras atividades preparadas e programadas;
2. Executar as tarefas designadas pelos(as) professores(as), coordenação e direção;
3. Tratar com respeito professores(as), funcionários(as) e colegas;
4. Manter seu material escolar em ordem, de modo a poder utilizá-lo quando necessário;
5. Justificar sua ausência quando solicitado;
6. Apresentar-se com asseio (higiene pessoal);
7. Usar de honestidade na execução de provas e outras atividades escolares;
8. Participar com interesse de todos os trabalhos, solenidades e eventos escolares;
9. Indenizar pelo prejuízo, quando causar danos materiais ao estabelecimento ou a objetos de propriedade de colegas, funcionários(as) ou professores(as);
10. Permanecer no recinto escolar e dele não se ausentar antes do término da última aula ou evento da Escola, sem autorização da Direção/Coordenação;
11. Atender à convocação da Direção/Coordenação e dos(as) professores(as);
12. Colaborar na conservação do prédio, mobiliário escolar e todo material de uso coletivo, bem como manter a limpeza em todas as dependências da Escola;

 

 

 

%d blogueiros gostam disto: